quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Este caso foi visto no telejornal da TVI ontem por 2 milhões de pessoas

Owen Howkins é uma das 30 crianças no mundo que nasceram com a síndrome Schwartz-Jampel, doença que não permite nunca que os músculos relaxem.

Para além das dores, e da constante tensão, Owen não tem um crescimento normal, os ossos ficam sempre pequenos e cada vez mais será difícil andar ou movimentar-se.

A doença altera também a expressão facial do doente, bem como a sua aparência, o que fez do jovem inglês uma criança extremamente tímida e insegura.

Tudo isto, até ao dia em que conheceu Haatchi, seu companheiro nas horas de sofrimento e superação.

O seu cão foi encontrado perto de uma linha de comboio, abandonado e sem uma perna. Os seus antigos donos deram-lhe uma pancada muito forte na cabeça, o que o deixou praticamente inconsciente, e atiraram-no para a linha de comboio, para morrer. 

Assim que viu o cão, a mãe de Owen apaixonou-se. Garante a mesma que sentiu uma empatia muito forte com o animal, que parecia pedir-lhe ajuda. Trouxe-o para casa e aqui começa a história desta amizade. 

O pai, Will, diz que a transformação da criança e cão foi imediata. Aquele que era um rapaz tímido e complexado, passou a interagir e mostrar os seus sentimentos, a chorar e a tentar andar sozinho, sem a cadeira de rodas ou andarilho. 

Will diz mesmo que Haatchi percebeu que Owen também era diferente e que juntos teriam de se apoiar. 

"O meu melhor amigo, neste mundo inteiro", diz Owen sentado na sua cama, enquanto olha para o seu cão.



 
 
 
 
 
 
 
(este vídeo corresponde à situação aqui descrita, mas não foi o vídeo
que  tvi ontem passou.
 

4 comentários:

Cidália Ferreira disse...

Ouvi o titulo da noticia, mas não vi o desenvolvimento.. tenho estado doente.

Mas pelo que vejo é uma excelente noticia. Gostei
Os animais são muito ternurentos

Beijinhos

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

rosa-branca disse...

Impressionante amiga, também vi a história e é realmente incrível. Está provado que os animais ajudam e muito em situações que ninguém espera que aconteça. Beijos com carinho

Dilmar Gomes disse...

Quem tem um cão tem um amigo!
Cão é um animal fabuloso.
Eu amo os cães.
Um abraço daqui do sul do Brasil.

Tais Luso disse...

Há cinco minutos recebi um vídeo de maus tratos aos animais, revoltante é o ser humano quando nasce assim, com a crueldade em seu DNA. Esse animalzinho da foto com o menino, é uma das vítimas. Que se amem, que andem juntos durante muito tempo. Um ajudará o outro, sem dúvida.

Grande abraço, Irene.