segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Sempre achei que António Guterres era demasiado íntegro e honesto para o deixarem atingir este cargo, mesmo que seja o melhor, como até ao momento o tem provado.

Está o caldo entornado entre Vladimir Putin e Angela Merkel por causa do processo de escolha do próximo líder das Nações Unidas. Nem o líder russo, nem a chanceler alemã querem António Guterres a suceder a Ban Ki-moon, mas não se entendem quanto ao candidato a apoiar.
O site EurActiv dá conta de “tensões entre Berlim e Moscovo” no âmbito da candidatura de Irina Bokova, actual diretora-geral da UNESCO.
Esta candidata foi anunciada pela Bulgária ainda antes de ter saído a lista final de candidatos, a 12 de Julho. Mas depois de António Guterres ter vencido a quarta votação secreta, efectuada entre os membros do Conselho de Segurança das Nações Unidas, a Alemanha estará a tentar convencer a Bulgária a trocar de candidata.
Essa é a acusação feita pela Rússia, de acordo com o EurActiv, que salienta que Angela Merkel tentou convencer Valdimir Putin a apoiar a candidatura de Kristalina Georgieva, actual vice-presidente da Comissão Europeia.
A chanceler alemã estará assim, a tentar fazer pressão para que a Bulgária troque Bokova por Georgieva, considerando que esta seria uma opção mais forte para concorrer com Guterres.
Na última votação, que colocou o ex-primeiro-ministro português mais uma vez à frente da concorrência, Bokova caiu do terceiro para o quinto lugar.
Perante estes resultados e face às apegadas pressões de Merkel, o primeiro-ministro da Bulgária, Boyko Borissov, estará mesmo a ponderar substituir Bokova, salienta o Expresso, realçando que esse cenário é “quase inédito”.
O semanário ainda evidencia que “o Código de Conduta dos comissários europeus não permite, à partida, que procurem novos empregos ou se candidatem a outros cargos durante o seu mandato”.
Todavia, essa regra poderá vir a ser contornada, até porque Jean-Claude Juncker apoia Kristalina Georgieva na intenção de suceder a Ban Ki-moon, segundo nota o semanário.
ZAP


4 comentários:

Cidália Ferreira disse...

Gostei de ler!

Beijinhos

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Pedro Coimbra disse...

O meu receio é precisamente a nossa pequenez e tacanhez no jogo diplomático.
Vamos ver no que dá...

Graça Sampaio disse...

Torço sinceramente pelo nosso Guterres. Tem muita classe. É muito inteligente, muito completo.

Aquela Merkel é mesmo... grrrrr!...

Beijinho.

Emília Pinto disse...

Penso que, apesar de tudo o nosso Guterres vai ganhar; ele merece. Beijinhos e fica bem, Irene
Emilia