quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Um poema muito sentido da grande poetisa Rosa Maria sobre o estado do nosso país(que eu subscrevo totalmente) e aqui partilhamos convosco

O meu grito...pelos filhos do meu País.
DE : ROSA MARIA
É noite no meu País...no rosto dos nossos filhos há tristeza...
É de desesperança o caminho...sem presente e sem futuro
Segue em frente sem medo...gritando em coro a incerteza
Rompe as correntes...derruba com a voz da razão esse muro

É noite no meu País...há desalento nos olhos do meu povo
Raiada de negro...desfralda-se ao vento a minha bandeira
Já nem é cor de esperança nem de sangue...tinge-a de novo
Com as belas cores rubras...sacode-lhe do orgulho a poeira
É noite no meu País...leva meu povo a revolta a passear
Solta as palavras que guardaste para o tempo de liberdade
Levanta a tua mão e acusa quem os teus filhos está a roubar
Não sorrias magoado...planta enfim os cravos da igualdade
É noite no meu País...é Inverno na alma do meu nobre povo
Tangem sinos de descrença...levanta os braços cansados e luta
Pelo Portugal prometido...fá-lo das cinzas renascer de novo
Unidos na mesma crença...bebendo do mesmo copo a sicuta
É noite no meu País...a madrugada dos cravos está morrendo
O pão dos teus filhos está minguando...o sol deixou de brilhar
Com a indiferença dos verdugos deste povo...sempre crescendo
Caminha sem medo meu povo com um grito de revolta no olhar

No limite das forças...no fio da navalha
Assim caminhas meu País...desencantado
Vilipendiado e vendido pela escumalha
Grita meu povo por um Portugal libertado
Ver mais

6 comentários:

Elvira Carvalho disse...

Um grito amargo. Que partilho também.
Um abraço e bom fim de semana

Cidália Ferreira disse...

E como escreve bem esta Poetisa.
Adorei

Beijinhos

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Majo disse...

~
~ ~ ~ S u b s c r e v o.
~ ~

Graça Pires disse...

Um grito, ou a tremenda voz de um país calado...
Muito belo.
Beijo.

Santa Cruz disse...

Irene: É um grito tremendo ou seja uma voz de um Pais calado e arruinado por políticos que para mim não passam de um bando de lixo altamente tóxico. Bom domingo
Beijos
Santa Cruz

LUCIENE RROQUES disse...

Lindo, lindo.
Irene tenha um excelente final de ano a você e todos os teus.
Um grande abraço!