sábado, 9 de setembro de 2017

Talvez apenas um tempo...

Amigas/os:

Neste momento estou numa luta comigo mesma se devo continuar ou

não a manter os meus blogues ativos.

Motivos pessoais e de saúde, me estão tirando a vontade para este

tipo de tarefas.

É óbvio que gosto dos meus blogues e de visitar os vossos, mas a vida

está constantemente a fazer com que façamos opções e é isso que se

me está colocando.

Estou a dias de completar 71 anos e o meu marido 75. Ambos estamos

com problemas de  saúde que requerem que tenhamos mais cuidado

e passemos mais tempo nos médicos e a disposição e leveza da minha

parte está muito diferente.

A ausência das crianças na Irlanda(que nos deixaram à poucos dias)

mais acentua a nossa tristeza. Enfim, talvez seja apenas "um mau

momento" e eu volte daqui a uns tempos.

Obrigada a todos.

Bjs.

Irene Alves
 
 
Muito bonito de ver e ouvir este vídeo:


12 comentários:

Rita Sperchi disse...

Vc é muito importante pra todos....

Um bom final de sábado
Desejando a vc tudo de bom
Deixo uma frase que gosto
❝A beleza vaga, quase sempre, como um crepúsculo que se move em direção ao mar.❞♡☼⁀⋱‿✿★☼⁀⋱‿✿★♡♡
Malu Silva

Abraços Rita

Graça Sampaio disse...

Tenha calma, menina!! Não abandone; apenas modere a sua atividade. Tudo se faz, com calma...

Espero sinceramente que os cuidados de saúde não sejam graves - isso é que seria mau!

Beijinhos.

Cidália Ferreira disse...

Boa noite minha amiga

Claro, em primeiro lugar a saúde. Depois os blogues. Embora eu seja muito viciada no meu blogue. Mas claro sou mais nova. Espero que consigam resolver esses problemas de saúde.

A partida é sempre dolorosa. Eu que o diga.
Sei que estou em falta consigo, no mail, mas não me esqueço nunca de si.

Quero que volte recuperada, ok? As melhoras dos dois.

Beijo. Bom Domingo.

✿ chica disse...

A vida é assim...Altos e baixos...Desejo que se recuperem bem da saúde e que logo te animes novamente a vir blogar conosco. Mas entendo bem...Por duas vezes, nas doenças graves aqui, fui obrigada a fazer uma pausa... Fiquem bem! bjs, e até logo! chica

Arco-Íris de Frida disse...

Querida amiga, talvez seja mesmo que vc esteja precisando só de um tempo, e espero que seja só isso, que vc refaça as energias e volte renovada...
Beijos...

Olinda Melo disse...


Minha amiga

Realmente, de vez em quando sentimo-nos em baixo. E, por vezes, é só isso. Então, tomamos um tempinho para nós e depois voltamos renovadas, desde que a saúde ajude, claro. Quanto aos 71 anos, a menina é uma jovem. E tem um sorriso muito lindo. Não nos prive da sua presença. Volte quando se sentir bem.

Beijinhos

Olinda

Maria Rodrigues disse...

Querida amiga, por vezes atravessamos momentos menos bons na vida e acredito que a falta de saúde e a ausência dos filhos e netos são dois motivos poderosos para entristecer o seu coração.
Penso que nos momentos difíceis é importante encontrar um meio que nos ajude a aliviar o pensamento das agruras reais da vida, no meu caso, o caminho que encontrei para esquecer por momentos as minhas, foi através do meu blogue, quando me dedico a ele esqueço tudo o que me aflige.
Irene, desejo do coração, que consiga também encontrar algo, que a ajude a tornar mais fácil a sua caminhada.
Deixo um abraço bem apertadinho.
Maria de
Divagar Sobre Tudo um Pouco

Duarte disse...

Deixar, nunca, sentiria a tua ausência e não quero.
Dedica-te a menos frentes e dedica-lhe o tempo minimo imprescindível. Verás como te reconfortará!
Para mim, mais além do contacto com os bons amigos, serve-me para saber de vós. Ainda que contigo contacto por outro meio.
Quero-te ver activa.
Abraços de vida, querida amiga

Pedro Coimbra disse...

Demore o tempo que necessitar.
Ficamos aqui à sua espera.
Abraço

Graça Pires disse...

Irene, não largue os blogues. Pode espaçar mais as postagens e se não tiver tempo não comente. É bom encontrá-la aqui...
Tudo de bom para si.
Um beijo.

Beatriz Bragança disse...

Querida Irene
Como a entendo!
É certo que, em primeiro lugar, está a saúde, mas não deixe os blogues.Vai ver que este convívio a vai ajudar a passar certos momentos.A ausência das crianças não tem como ser substituída, mas pode sempre distrair-se, escrevendo, pesquisando.
Muita saúde para ambos e rápido restabelecimento.
Muitos beijinhos
Beatriz

Élys disse...

Sempre foi muito bom visitar seus blogs ereceber suas visitas nos meus. Espero que tudo melhore...Um grande abraço.
Élys.